Atuar no lugar do seu dia a dia com o mundo nas mãos para fazer do mundo uma só família no amor!

"Os cristãos leigos são homens e mulheres da Igreja no coração do mundo, homens e mulheres do mundo no coração da Igreja!" (PUEBLA 789)

sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

"IDE, SEM MEDO, PARA SERVIR"

ESTÁGIO VOCACIONAL
(1 à 4 de Março/2014)

O Papa Francisco nos desafia:



PRECISAMOS DE EVANGELIZADORES COM ESPÍRITO
 “Evangelizadores com espírito quer dizer evangelizadores que se abrem sem medo à ação do Espírito Santo” (Evangelli Gaudium nº. 259).

PRECISAMOS DE EVANGELIZADORES HUMANOS
 “Chegamos a ser plenamente humanos, quando somos mais do que humanos, quando permitimos a Deus que nos conduza para além de nós mesmos a fim de alcançarmos o nosso ser mais verdadeiro. Aqui está a fonte da ação evangelizadora. Porque, se alguém acolheu este amor que lhe devolve o sentido da vida, como é que pode conter o desejo de o comunicar aos outros? (cf. Evangelli Gaudium nº. 8)


“O AMOR DE CRISTO NOS IMPULSIONA”
Caríssimo Jovem! São Guido Maria Conforti, fundador da Congregação dos Missionários Xaverianos, sintetizou a sua experiência na qual surgiu o Carisma Missionário Xaveriano dizendo: “o amor de Cristo nos impulsiona” (2 Cor. 5,14). Ressoa a nós como um convite a  experimentá-lo ou ainda a vivenciá-lo a cada instante de nossa vida. É em Cristo Senhor que  devemos continuar a rever  a nossa caminhada de vocacionados.

Se você, já está terminando o ensino médio ou já tenha finalizado e senti o chamado de Deus para consagrar sua vida pela causa da missão, isto é, anunciar Jesus Cristo aos povos que ainda não o conhece e quer aprofundar este chamado em sua vida,

VENHA PARTICIPAR DO NOSSO ESTÁGIO VOCACIONAL

QUANDO:  nos dias de carnaval de 1 à 4 de março de 2014.

LOCAL: Curitiba-Paraná

TELEFONE: (41) 3335-5545
                        (41) 9778-2557 (TIM)


http://www.padrejoaobortoloci.blogspot.com


Entre em contato conosco!


Não deixemos que nos roubem a esperança!”

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Capítulo dos Padres Xaverianos - Nós LEIGOS estivemos lá!!

Eu, Patricia e o Paulo Moroni participamos do Capítulo Regional dos Padres Xaverianos agora em janeiro de 2014 com a participação do Superior Geral da Ordem, padre Luigi Menegazzo

Foi uma honra e uma grande alegria eu, leiga, missionária, casada, participar de um momento tão importante como esse e estar entre pessoas tão queridas e importantes na minha formação.

A abertura que se dá atualmente ao leigo pela igreja deve ser aproveitada, incentivada e motivada pelos padres e assumida pelos leigos.
O papa Francisco lembrou em dezembro de 2013 uma frase do Papa João Paulo II “soou a hora dos leigos”. Temos que assumir nosso papel e com coragem e amor contribuir para que a Igreja seja viva e atuante, para que os cristãos participem da Partilha da Palavra e da Eucaristia e que vivenciem o ser cristão fora da igreja.

Na apresentação aos padres no Capítulo pontuamos alguns itens importantes que nós Leigos Missionários Xavetianos do Brasil Sul estamos vivenciando:
- a construção das nossas regras de vida - luz para a caminhada;
- a importância do apoio e compromisso dos padres aos grupos de leigos e a necessidade da autonomia dos leigos;
- a celebração do Compromisso Missionário por 1 ano feito por 35 membros na 4ª Assembleia e a necessidade da realização deste Compromisso em cada grupo numa celebração Eucarística;
- a contribuição dos leigos nas diversas atividades paroquiais e pastorais;
- e o sonho de irmos além fronteiras participar de uma experiência missionária.

Fomos muito bem acolhidos, houve momento para perguntas, esclarecimentos, contribuições.

Foi um momento de troca de experiência muito rico e eu peço a cada coordenador e a cada membro dos grupos de leigos que também vá ao encontro do padre onde ocorre seu encontro e busque integração e colaboração, pois estamos todos unidos na missão de tornar Jesus conhecidos a todos, sem exceção e formar desse mundo tão afastado de valores e de amor, uma só família.

Ressaltei a importância de cada padre na formação dos grupos de leigos e amigos dos Xaverianos.
Os grupos iniciaram seus encontros pela referência de valores, simplicidade, disposição e o carisma do padre que passou pela paróquia e que despertou a vontade de seguir a missão. Em seguida que veio a vontade de conhecer os ensinamentos de São Francisco Xavier e São Guido Maria Conforti, que tem sido luz para guiar a caminhada juntamente com a Palavra de Deus e serviço aos irmãos.

Que o Senhor Jesus nos guie na missão de batizados e que cada um de nós possa assumir concretamente nosso papel de evangelizar e denunciar, de rezar e agir e de amar, amar e mais amar!!

Meu muito obrigada a todos os padres xaverianos e aos leigos por me confiar a missão de representa-los!!
Um abraço,
Patricia da Silva Nunes de Araújo Silva

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

NOVIDADE DO AMOR DE DEUS

ANO NOVO: ANO DE GRAÇA E BENÇÃO

Começamos este novo pedindo com o salmista: Que Deus nos dê a sua graça e a sua benção!  Eis alguns desafios:

1- Acolher a benção de Deus com toda a abertura do nosso coração.

O povo Israelita  implorou as bênçãos de Deus para que eles pudessem se libertar do mal, das guerras, dos inimigos e pudessem ter paz, liberdade e vida. O Papa Francisco  fez o seu apelo para o desarmamento nuclear e ao respeito pelos direitos humanos; defendeu a fraternidade na economia para enfrentar a globalização da indiferença e a corrupção. Nós, também, iniciando este novo ano precisamos invocar as bênçãos de Deus. Quem não quer ficar livre do mal; quem não quer a paz em família, na comunidade, na vida, no coração, no país, no mundo? Acolhamos a benção do Senhor:
“Que o Senhor nos abençoe e nos guarde.
Que o Senhor faça brilhar sobre nós a sua face;
Que o Senhor volte para nós o seu rosto e nos dê a paz”.

2- Sermos canais, instrumentos, desta benção para os outros

Precisamos ser canais de bênçãos para nossas famílias, comunidades e nosso ambiente de trabalho. Precisamos investir na nossa relação familiar dando tempo para a nossa família, criando laços profundos de amor; precisamos investir em nossas comunidades dando tempo para os encontros de formação, celebrações, grupos de vivência, etc; Precisamos investir no nosso relacionamento com Deus dando tempo para que o nosso coração seja abastecido de amor e nossos olhos se apaixonem pela leitura da Palavra contida na Bíblia.

3- Centrar toda a nossa vida em Cristo, a BENÇÃO DE DEUS.


A grande Benção de Deus é Jesus Cristo. Precisamos fazer DELE o centro de nossas vidas. Precisamos fazer como os pastores: irmos ao encontro de Deus e reconhecê-lo na presença do recém nascido, deitado na manjedoura. Muitos  não o reconheceram porque esperavam um messias diferente: poderoso, rico. Por meio de Jesus Cristo, Deus nos enviou o seu Espírito que nos faz clamar: ABÁ – ó Pai. O Papa Francisco escreveu a sua exortação apostólica: A ALEGRIA DO EVANGELHO que enche o coração  e a vida inteira daqueles que se encontram com Jesus Cristo.


4- Optar pelos pobres e marginalizados para construir a paz

“A paz é fruto da justiça”. Sem justiça não há paz. No mundo de hoje há muitas situações gritantes de miséria, desigualdade social, corrupções, guerras, falta de liberdade, etc. não podemos cruzar os nossos braços pois na pessoa do pobre está o próprio Cristo.  O Papa Francisco nos desafia: “toquem nos pobres como se tocassem no próprio Cristo”. Por isso as comunidades cristãs não poderão deixar nunca de viver a solidariedade e incentivar a partilha não só do supérfluo, mas sobretudo colaborar para que  um novo mundo seja possível.

5- Sermos simples e buscar o essencial para a nossa vida

Imitando o menino de Belém no seu despojamento, vamos iniciar este novo ano nos despojando de muitas coisas, sobretudo do egoísmo, do ódio, de tudo aquilo que é secundário, sobretudo o materialismo e o consumismo; vamos centrar a nossa vida naquilo que é essencial: no amor, em Deus.


6- Ler os fatos e os acontecimentos à luz de Cristo como Maria

Vamos iniciar este novo ano com a atitude de Maria que não entendia tudo o que acontecia mas guardava em seu coração e meditava. O que significa meditar como Maria? Significa procurar entender a nossa vida, os fatos, acontecimentos, os problemas, as dificuldades à luz de Deus. É pautarmos a nossa vida na fé. “Batam na
porta de Maria e ela nos apresentará Jesus” nos disse o Papa Francisco.

7- Ter um projeto de vida pessoal e comunitário

Coloque no seu projeto deste ano estes desafios:
a)    Acolher a benção de Deus com todo o nosso coração.
b)    Sermos canais desta benção para os outros.
c)     Centrar nossa vida em Jesus Cristo.
d)    Estar do lado dos pobres e sermos construtores de paz.
e)    Buscarmos sempre o essencial, isto é o amor e a luz de Deus.
f)      Ler os fatos e os acontecimentos à luz de Cristo como Maria.

Neste ano novo: 
Deixe-se renovar pela novidade do amor de Deus!

joaobortoloci@bol.com.br